Discussão Aberta sobre Tesouro Direto


#1

Boa noite

Gostaria de perguntar se vale a pena resgatar um valor aplicado no TD e aplicar em outro, podendo ser Selic ou LTN.

Pesquisei no conteúdo de vocês e não consigo concluir o estudo.

Abaixo estão os dados da aplicação do tesouro direto.

A dúvida é se carrego um pouco mais, talvez até o vencimento, ou se vendemos e colocamos em outra aplicação, no tesouro ou não.

Título aplicado - IPCA 2019 vencimento em 15/05/19, com duas aplicações:

  1. Aplicação em 28/05/14 contratado IPCA + 5,97%

hoje IPCA + 7,22% (de acordo com o extrato no site do TD)
Rentabilidade de 61,16%

  1. Aplicação em 15/05/15 contratado IPCA + 6,33%

hoje IPCA + 8,18% (de acordo com o extrato no site do TD)
Rentabilidade de 42,99%

Então se valer a pena, quais seriam as opções?
Não tenho urgência em usar esse dinheiro. Posso aplica-lo em prazo maior.
Obrigado @eduardinho


#2

Olá Heber, tudo bem?

Eu dei uma “mexida” na sua pergunta. O @eduardinho, para me citar, tirei do título do tópico e passei para o conteúdo da mensagem (veja no finzinho dela). Fazendo assim, eu sou avisado quando alguém me cita. Blz?

No caso, como eu tenho comentado com os meus alunos lá no tópico privado, com exceção de alguns eventos que podem causar efeitos extraordinários a favor ou contra (por exemplo a reforma da previdência agora em fevereiro), o esperado em 2018 é um rendimento de mercado para os títulos do Tesouro. Nada de excepcional como a rentabilidade que está acumulada até o momento.

O que isso significa? Que se você quiser uma rentabilidade bem maior que a Selic, vai ter que procurar opções também.

Abs.


#3

Ok @eduardinho. Obrigado pela resposta, mas a questão não seria repetir os ganhos já auferidos, pois o cenário agora é outro. A comparação a ser feita seria entre permanecer com os títulos atuais ou migrar para o Tesouro Selic ou mesmo prefixado. É o trade no tesouro. O IPCA já rendeu bastante e me parece que pelo prazo que temos até o vencimento não vai conseguir bater nem o Tesouro Selic. Essa seria a minha dúvida. Obrigado


#4

Oi Heber, a resposta para sua pergunta está com o Congresso, até o fim de fevereiro, com a votação da Reforma da Previdência. Abs!


#5

Muito obrigado.
Outra pergunta @eduardinho.
Estou tentando desenvolver uma planilha que compara todos os títulos do TD de acordo com os diversos cenários prospectivos e também com os resultados já alcançados pelas aquisições realizadas (compras).
Você ensina como montar essas tabelas no seu curso, ou já é possível desenvolvê-las com o que está disponível como acesso livre?
Obrigado


#6

Oi Heber, tudo bem?
No nosso curso tem um simulador em planilha.
Mas estamos trabalhando para trazer todas as planilhas top que tenho para dentro do app do Capitool, de maneira profissional (até porque as planilhas do google sheets são muito instáveis)(no módulo ações, elas só estão me dando dor de cabeça por essas instabilidades, por isso estamos desenvolvendo plataforma própria).
Como há demanda, pretendo montar, no futuro, um curso para ensinar as pessoas a fazerem planilhas inteligentes:

  • com funções personalizadas
  • que buscam dados online
  • que enviam emails quando determinados eventos ocorrem (ações atingem determinado valor, produtos que se deseja comprar atingem determinado preço, etc.)
    Abs.

#7

Oi, @eduardinho tudo bem? Estou posicionada em LTN 2021 com taxas contratadas de 10, 11% (aproximado). Eles renderam bem até agora e alguns títulos já estão na fase de IR a 15%. Por ser um título pré que já teve uma variação alta (maior volatilidade que a contratada), acha que vale a pena sair dessa posição e migrar para outro título do tesouro? Ou para render mais teria que ir para algum título privado? Obrigada.